Arquivo da categoria: minha história

Falando de desafio

O desafio de conviver a depressão.

viver e sobreviver a depressão
desafio de viver com a depressão

Meu desafio diário, minha filha tem depressão a muito tempo. E é  realmente um desafio, pois ela alterna em dias de grande euforia, animada com o trabalho. 

Quando algo da errado, tento ficar calma e ter paciência, pois ela nem sempre consegue. Ai o desafio é procurar algo que a faça continuar e se animar novamente.

Mas me apoio em Deus e em minha força, enquanto ela tiver essa força ela se levanta. Por isso, saber que ela esta tentando lidar com a Doença me deixa tranquila, embora  precise ainda da minha ajuda.

Ela estando bem é uma pessoa esforçada e tem muito talento para as artes manuais. E não tem preguiça ela  faz seu trabalho com muito capricho.

Então vivo um dia de cada vez, a cada dia tira-la do quarto. Uma missão quase impossível, Embora me esforçando para ser positiva de olho nos objetivos e metas.

Mas sinceramente bem escondida às vezes tenho que conversar com alguém que não me julgue e que me deixe chorar. E volto a missão de trazê-la para o mundo onde ela produz e fica feliz em ver o resultado.

Sonha em ver seu esforço reconhecido não apenas por pessoas que a ama. Só quem vive isso vai me entender, além de ter em casa pessoas que ainda não aceita como uma doença. Embora a ame esta sempre cobrando muito dela, como se ela não estivesse se esforçando o bastante.
Para uma mãe ver um filho assim é frustrante, por muito tempo me sentia culpada. Hoje não mais, ela é uma pessoa inteligente poderia ser uma ótima profissional em qualquer área.

Chegou a se casar viver com ele por anos, mas não foi o suficiente. E  o casamento acabou e tudo piorou muito. Passou quase dois anos fazendo tratamento psiquiátrico.  Quando achou que estava bem, se mudou para outra cidade, voltou a trabalhar.  Ficou por um ano, até que voltou a ficar doente. E este ano passou por duas cirurgias. Uma de coluna pela segunda vez e a outra retirada de pedras nos rins. Isso tudo trouxe de volta a depressão, mas ela veio morar comigo e voltou a produzir.

Ficou animada em trabalhar, melhorar o Ateliê e junta daí em diante trabalharíamos. Por isso digo que a cada dia é um desafio trazer a alegria, o sorriso e a vontade de viver.

 

Anúncios

Mais um ano vivendo em terras nipônicas.

download

Obrigada Google!

Hoje 09 de Setembro completando mais um ano aqui neste lado do mundo e quando olho para traz vejo quantas coisas, quantas pessoas conheci, quantas experiencias vivi e aprendi. Saindo do meu cantinho, minha zona de conforto e enfrentar quase trinta horas de voo pela primeira vez, chegar praticamente em um outro mundo, pois não entendia nada, era tudo novo e a unica coisa que ansiava no momento que cheguei no aeroporto foi ver um rosto conhecido, o que graças a Deus eu pude ver assim que sai na área de desembarque do aeroporto. Pois também me esperava e assim pudemos nos encontrar depois de dois anos.

Bom mas enfim hoje aqui estou completando mais um ano de vida e me sinto feliz,  embora  sempre a procura de novos desafios. Pois acredito que quando paramos de sonhar ou aprender  morremos um pouco em vida.

Hoje agradeço aos amigos que tiraram um tempinho p me enviar uma mensagem, agradeço a Deus por mais um dia e mais um aniversário.

Viver no Japão

Lado bom e o lado ruim.

085

Adoro o Japão, mas quando falo daqui no blog, parece até que estou no paraíso e ai chove perguntas de o que devo fazer para poder morar ai também, como posso conseguir visto ou coisas do tipo.

Então resolvi fazer esse post para esclarecer que cada pessoa tem uma historia e a minha diferente de muita gente que vem para o Japão trabalhar, juntar dinheiro e voltar para o Brasil, embora hoje muitos estejam optando em viver aqui pela segurança, ou melhores oportunidades de trabalho.

Meus motivos vão mais além, pois aqui eu recomecei a viver em família como nunca vivi no Brasil, tive e tenho melhores oportunidades de realizar sonhos que seriam um pouco mais demorados no Brasil.

Porém não são tudo flores, existe também o lado negro da historia, pois o Japão sempre foi um pais fechado para o mundo e na política apesar de historicamente não se vê falar em corrupção abertamente, é claro que existe. Ontem mesmo ouvi no Jornal que o governo quer fazer mais um imposto para ajudar na reconstrução de áreas afetada pelo terremoto seguido de tsunami. Ora! e o dinheiro que foi doado pelo mundo inteiro, que negocio é esse que o Japão da dinheiro para todo mundo e tem que aumentar imposto para reconstruir o que foi destruído pelo desastre  de 2011.

Ainda na política já existe um numero grande de mulheres que ainda tem muitos problemas com alguns políticos com ideias machistas, homens que ainda tem na cabeça que mulher tem que casar e ficar em casa cuidando dos filhos e marido.

Apesar de sempre a mídia dizer que japonês é educado, também tem alguns que não esconde seu preconceito por estrangeiros. Nem todos. É claro, mas já vi muita gente reclamar de ter sido mal tratado, por ser estrangeiros.

Na escola, os alunos estrangeiros frequentemente são vitimas de bullying por outros alunos japoneses. No meu caso meus filhos não frequentaram escolas japonesas, pois já vieram adultos.

A historia diz que o Japonês nem sempre foi gentil, pois hoje se diz arrependido por muitos atos no tempo da Guerra que custou discórdia com os países vizinhos que não entendem essa grande amizade com os Estados Unidos que no tempo da Guerra destruiu cidades e matou tanta gente. Então fiquem sabendo que tenho aqui eu conquistei, pois tive que me adequar às regras de uma sociedade muito diferente, a novos costumes e respeitar as leis para ter direito de viver como cidadã que paga impostos e tem direito a receber benefícios.

Por isso acho que em qualquer lugar do mundo existe o bom e o ruim e você é que tem que aprender a viver sua vida.

Espero que tenham entendido, pois quando falo que aqui também tem que aprender a viver e sobreviver não só por causa dos desastres naturais e sim do convívio com as pessoas que nos cercam.

Viver no Japão tem seu lado bom e o lado mal.

085

Adoro o Japão, mas quando falo daqui no blog, parece até que estou no paraíso e ai chove perguntas de o que devo fazer para poder morar ai também, como posso conseguir visto ou coisas do tipo.

Então resolvi fazer esse post para esclarecer que cada pessoa tem uma historia e a minha diferente de muita gente que vem para o Japão trabalhar, juntar dinheiro e voltar para o Brasil, embora hoje muitos estejam optando em viver aqui pela segurança, ou melhores oportunidades de trabalho.

Meus motivos vão mais além, pois aqui eu recomecei a viver em família como nunca vivi no Brasil, tive e tenho melhores oportunidades de realizar sonhos que seriam um pouco mais demorados no Brasil.

Porém não são tudo flores, existe também o lado negro da historia, pois o Japão sempre foi um pais fechado para o mundo e na política apesar de historicamente não se vê falar em corrupção abertamente, é claro que existe. Ontem mesmo ouvi no Jornal que o governo quer fazer mais um imposto para ajudar na reconstrução de áreas afetada pelo terremoto seguido de tsunami. Ora! e o dinheiro que foi doado pelo mundo inteiro, que negocio é esse que o Japão da dinheiro para todo mundo e tem que aumentar imposto para reconstruir o que foi destruído pelo desastre  de 2011.

Ainda na política já existe um numero grande de mulheres que ainda tem muitos problemas com alguns políticos com ideias machistas, homens que ainda tem na cabeça que mulher tem que casar e ficar em casa cuidando dos filhos e marido.

Apesar de sempre a mídia dizer que japonês é educado, também tem alguns que não esconde seu preconceito por estrangeiros. Nem todos. É claro, mas já vi muita gente reclamar de ter sido mal tratado, por ser estrangeiros.

Na escola, os alunos estrangeiros frequentemente são vitimas de bullying por outros alunos japoneses. No meu caso meus filhos não frequentaram escolas japonesas, pois já vieram adultos.

A historia diz que o Japonês nem sempre foi gentil, pois hoje se diz arrependido por muitos atos no tempo da Guerra que custou discórdia com os países vizinhos que não entendem essa grande amizade com os Estados Unidos que no tempo da Guerra destruiu cidades e matou tanta gente. Então fiquem sabendo que tenho aqui eu conquistei, pois tive que me adequar às regras de uma sociedade muito diferente, a novos costumes e respeitar as leis para ter direito de viver como cidadã que paga impostos e tem direito a receber benefícios.

Por isso acho que em qualquer lugar do mundo existe o bom e o ruim e você é que tem que aprender a viver sua vida.

Espero que tenham entendido, pois quando falo que aqui também tem que aprender a viver e sobreviver não só por causa dos desastres naturais e sim do convívio com as pessoas que nos cercam.

Aniversario de 10 anos do blog

Aniversario de 10 anos do blog, desde o início e de onde começou tudo.
Este foi o primeiro post deste blog a 10 anos atrás, na tranquila cidadezinha de Omigawa, onde vivemos, trabalhamos e nos reencontramos como família.

Japão Outro Lado

sony omigawa 

Aqui é uma cidadezinha no interior do japão , mas bem próximo da capital Tóquio e do aeroporto de Narita , e é bem tranquila , é só tem uma fabrica  a SONY , aqui quase não se tem muito o que fazer a não ser trabalhar e andar nesses tambô ( plantação de arroz) aqui o veiculo de uso normal é a bicicleta.  e nos fins de semana ir fazer compras pra semana . Mas pra quem tem como objetivo vir ao japão juntar dinheiro esse é o melhor lugar , pois não se tem muito onde gastar dinheiro, apesar de ter cidades vizinhas onde podemos encontrar muitas coisas e no verão tem praias e lugares para lazer. enfim pra mim que estou aqui agora com a família me sinto muito a vontade apesar de ter um pouco de dificuldade ainda com o idioma, mas estou estudando e já…

Ver o post original 8 mais palavras