TANABATA MATSURI – Festival das estrelas,uma das maiores festa popular do Japão.

Estive pesquisando sobre o Tanabata matsuri e encontrei varias fontes que contam a história das duas estrelas que moram de lados opostos da galáxia e só se encontram uma vez a cada ano no mês de julho, melhor dizendo dia 07 de julho, pois é o sétimo dia do sétimo mês, do ano então achei a lenda além de romântica, muito interessante. É bem popular também no Brasil, entre a comunidade japonesa inclusive no bairro da liberdade em São Paulo.

A lenda diz que a muito tempo morava próximo a via láctea uma princesa, Orihime (織姫), uma princesa tecelã. Um dia Tentei (天帝), o senhor celestial, pai da princesa apresentou um jovem e belo rapaz  Kengyu (牽牛) que era pastor do gado, pois parecia ser o par perfeito para sua filha. E os dois se apaixonaram intensamente. Daí então tudo girava em torno do belo romance. Deixando tudo de lado inclusive suas tarefas diárias. Desapontado com a irresponsabilidade do jovem casal o pai de Orihime decidiu separar os dois. Obrigando a cada um morar de lados opostos da via láctea. E a separação trouxe enorme sofrimento e tristeza para a linda princesa Orihime, sentindo pena de sua filha, o Senhor Tentei permitiu que os dois se encontrassem apenas uma vez por ano, no sétimo dia, do sétimo mês do calendário lunar. Desde que cumprissem suas ordens e atendessem aos pedidos vindos da terra nesta data. Então na mitologia japonesa este casal é representado por duas estrelas que ficam em lados opostos na via láctea, que realmente só são vistas juntas uma vez por ano. São elas Vega ( Orihime ) e Altair ( Kengyu ). Assim todos os anos nesta data celebram esta linda história de amor.

E durante o festival  que teve inicio a 1.150 anos e passou a ser considerado feriado nacional em 1603.Segundo a tradição diz olhem para o céu e escrevem pedidos em tiras  papeis coloridos que são amarrados em ramos de bambu que simboliza purificação e se o pedido for sincero, ele será atendido pelo casal de estrela apaixonada, como gratidão pela dádiva recebida.  As cores das tiras( tanzaku ) têm cada uma um significado:

Vermelha – força e coragem, Verde – esperança, Amarelo – prosperidade, Branco – paz e Preto – esforço e concentração. Diz à lenda que todos os pedidos são atendidos no momento que acontece a magia e as estrelas se encontram.

O TANABATA SEGUNDO O CALENDÁRIO LUNAL TAMBÉM DESCREVE O SOL E A LUA, POR CAUSA DA DIFERENÇA DE UM DIA: O DIA NEUTRO, QUE NO CALENDÁRIO JAPONÊS EXISTE UM MÊS DE DIFERENÇA DO CALENDÁRIO GREGORIANO, APESAR DE TAMBEM SER COMEMORADO EM AGOSTO NA PROVINCIA DE MYAGUI APROVEITANDO AS FÉRIAS DE VERÃO ASSIM COMO NA CHINA QUE É NO DIA 23 DE AGOSTO.

Fontes:

http://forum.shamankingbr.com/topic/4666103/1/

http://pt.wikipedia.org/wiki/Tanabata

Créditos das fotos:

http://galaxyexplorer.blogspot.jp/2011/07/japao-2-tanabata-matsuri.html

http://www.nipocultura.com.br/?p=459

http://pt.wikipedia.org/wiki/Tanabata

Anúncios

3 opiniões sobre “TANABATA MATSURI – Festival das estrelas,uma das maiores festa popular do Japão.”

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s