UMI HOTARU, UMA ILHA ARTIFICIAL COM MIRANTE NO MEIO DA BAÍA DE TÓQUIO

No meio de uma combinação de ponte túnel ligando Kanagawa à Chiba ,com a maior parte da energia usada gerado pelo vento.

Eu resolvi escrever um pouco sobre um dos lugares que fui aqui e adorei. É uma combinação ponte-túnel através Baía de Tóquio, no Japão. Ele se conecta a cidade de Kawasaki, província de Kanagawa com a cidade de Kisarazu em Chiba e é designada como parte da Estrada Nacional 409. A estrada foi aberta em 18 de dezembro de 1997 após 31 anos de construção, a um custo de 1,44 trilhões de ienes (11.200 milhões USD no momento da abertura).Tendo encurtado o caminho entre Chiba e Kanagawa, duas importantes regiões industriais atravessando a baía de Tōkyō de 90 para 15 minutos, e também contribuiu para reduzir o tempo de ir para a área de lazer do mar no sul da península de Boso de Tokyo e Kanagawa. Antes do túnel aberto, a pessoa tinha que dirigir por 100 km longo das margens da baía de Tóquio e passar pelo centro de Tóquio. Com um comprimento total de 14 km, que inclui uma ponte 4,4 km e 9,6 km de túnel por baixo da baía, um dos mais longo túnel subaquático para carros do mundo. Um dos objetivos expressos durante o planejamento do Aqualine era reduzir otráfego através do centro de Tóquio, mas como o pedágio da estrada é bastante elevado (3.000 ienes em dinheiro para os automóveis), a redução no tráfego de Tóquio não foi tão grande quanto o esperado. No ponto de cruzamento ponte-túnel, existe uma ilha artificial chamada Umi-hotaru(海 ほたる, Umi-hotaru?), (“Mar vagalume”) com uma área de descanso composta por restaurantes, lojas e instalações de diversões. O ar é fornecido para o túnel por uma torre distinta no meio do túnel (o chamado Kaze no tō (塔)) que utiliza a baía de ventos quase constantes como fonte de energia.

Usando Tokyo Bay Aqua-line, muitos serviços de ônibus da estrada agora são fornecidas, como a linha da estação de Tokyo para Kisarazu, Kimitsu, Kamogawa,Katsuura e Tateyama, e de Yokohama estação ou aeroporto de Haneda para Kisarazu, Kimitsu e Tateyama, que custam muito mais barato considerando o pedágio da estrada de Aqualine.

Oficialmente é uma área de descanso para os motoristas, mas na realidade é para a maioria das pessoas a única razão para usar o túnel. A ilha tem espaços restaurantes, cafés, estacionamento e uma plataforma de visualização.

Apesar de ter varias fotos, precisei utilizar algumas que tirei da internet pra ilustrar melhor e por isso os créditos:

fonte: http://www.viajandoblog.com

http://en.wikipedia.org/wiki/Tokyo_Bay_Aqua-Line

http://aqualinejapao.blogspot.com

http://www.travel-around-japan.com

Anúncios

6 comentários em “UMI HOTARU, UMA ILHA ARTIFICIAL COM MIRANTE NO MEIO DA BAÍA DE TÓQUIO”

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s